Regras de etiqueta no LinkedIn

Regras de Etiqueta no LinkedIn

Regras de etiqueta no LinkedInMuito já se escreveu sobre etiqueta no LinkedIn e volta e meia vemos algumas discussões sobre o que é considerado certo ou errado no LinkedIn.

O fato é que as regras de etiqueta no LinkedIn seguem muito mais o bom senso do que normas rígidas de conduta nesta rede.

O problema é que sem entender corretamente o protocolo de etiqueta no LinkedIn, você pode acabar provocando um grande estrago na sua imagem pessoal e por isso, alguns guidelines são fundamentais.

As principais regras de etiqueta no LinkedIn

O que se costumou chamar de Regras de Etiqueta no LinkedIn, na verdade não está escrito em lugar nenhum, mas é tido como um código de comportamento nessa rede.

Como você poderá comprovar no texto abaixo, não é nada absurdo, e passa simplesmente pelo respeito ao modelo de relacionamento proposto pela rede.

Para não correr o risco de estragar sua imagem pessoal no LinkedIn, é interessante dar uma olhadinha nos pontos que destacamos abaixo, para ver se mesmo sem querer você não está cometendo um destes erros

Entenda a sua presença no LinkedIn

O caminho mais fácil para evitar gafes no LinkedIn é compreender como essa mídia funciona e qual a função da sua presença nela.

Por definição o LinkedIn é uma rede social vertical que tem como objetivo o relacionamento profissional.

Se não funciona no físico não funciona no LinkedIn

Como eu disse logo no início, a maioria das regras de etiqueta no LinkedIn derivam de um raciocínio lógico e compreensão da sua presença nas mídias sociais.

A consultora do LinkedIn, Lindsey Pollak, escreveu no blog da rede uma regra simples e extremamente eficiente para manter a etiqueta no LinkedIn: Se você não teria uma determinada atitude no mundo físico, não deve ter no mundo online.

Falta de personalização nos convites

Esse talvez seja um dos erros de etiqueta no LinkedIn mais comuns e também um dos que mais facilmente destrói a reputação de um perfil no LinkedIn.

Usar as mensagens padrão do LinkedIn é um verdadeiro tiro no pé. Personalize cada convite ou resposta de solicitação de contato para criar um vínculo maior com a pessoa com a qual você está fazendo contato.

Nunca deixe seu perfil sem uma foto atualizada

Essa é uma das regras que deixamos bem clara logo na primeira parte do módulo de criação de perfis do nosso Curso de LinkedIn Online. É considerada uma grande falta no LinkedIn ter um perfil com o avatar padrão da rede.

Para as pessoas que participam da rede esse comportamento passa uma mensagem de pouco caso e certamente não agrega credibilidade ao seu perfil. Para recrutadores, é um sinal de desleixo e falta de profissionalismo.

Não peça recomendações

Pedir recomendação no LinkedIn é uma prática que não é muito bem vista pela maioria dos participantes. Se você nunca trabalhou com a pessoa então, nem pensar no assunto.

No LinkedIn, as recomendações devem ser espontâneas. Por outro lado, fazer recomendações sobre pessoas com as quais você já trabalhou ou conhece o trabalho é uma iniciativa muito bem vista. Uma regra básica para o sucesso no LinkedIn: Dê antes de receber.

Compartilhe somente conteúdo relevante

Entre as principais regras de etiqueta do LinkedIn está aquela que diz respeito ao foco da rede, portanto, não use o LinkedIn como se fosse uma rede social horizontal como o Facebook, por exemplo. O foco são os relacionamento profissionais.

O compartilhamento de conteúdo é uma poderosa ferramenta de networking no LinkedIn, mas este conteúdo precisa ser relevante para a rede, e de preferência, que tenha tido a sua participação na criação.

Cultive e amadureça seus relacionamentos

Networking é uma coisa e número de conexões é outra coisa completamente diferente. Adicionar uma pessoa à sua rede de conexões e depois nunca mais interagir com ela é o tipo de gafe no LinkedIn que muitas pessoas não percebem que estão cometendo.

Busque sempre criar um canal qualquer de interação com seus contatos, seja através de mensagens privadas ou outras interações abertas, como parabeniza-los por uma nova posição ou conquista profissional. Lembre-se que o marketing pessoal no LinkedIn é feito através da troca de informações e relacionamento.

Respeito às regras de grupos

Outra tremenda violação das regras de etiqueta no LinkedIn é não respeitar as regras dos grupos do qual se participa e acabar provocando situações conflituosas ou simplesmente ruído na comunicação.

Isso geralmente acontece quando o participante se esquece da verdadeira razão de ser do grupo, a discussão de assuntos para os quais o grupo foi criado e passa a usar este espaço para autopromoção e marketing, ou pior ainda, cria bate boca no ambiente.

Como você pode ver, estas regras de etiqueta no LinkedIn não possuem nada de tão fantástico em suas proposições, é apenas uma questão de bom senso e compreensão da finalidade dessa rede.

Por Alberto Valle no blog do Curso de LinkedIn

Regras de etiqueta no LinkedIn
5 (100%) 5 votes
PUBLICIDADE