Como criar um plano de marketing pessoal nas redes sociais

Saber como criar um plano de marketing pessoal nas redes sociais é um dos maiores desafios para quem deseja usar estes canais para a divulgação da sua marca pessoal, até mesmo para pessoas com mais intimidade com o mundo online.

Muita gente acredita que promover sua marca pessoal nas mídias sociais seja uma coisa intuitiva, que pode ser desenvolvida da mesma forma que se faz com seus perfis nas redes sociais, quando não tem o objetivo de se promover profissionalmente. Ledo engano.

O marketing pessoal nas redes sociais exige planejamento, análise e muita dedicação para que realmente dê resultado.

Por isso, desenvolvi este roteiro para ajudar você a transformar seus perfis nas redes sociais em verdadeiras ferramentas para a divulgação da sua marca pessoal online. Para torna-lo mais didático, dividi este roteiro entre os seguintes tópicos:

  • Definição da imagem que você deseja passar
  • Escolha das redes onde irá atuar
  • Análise da rede e dos conteúdos publicados
  • Criação de configuração do perfil
  • Desenvolvimento de conteúdo para publicação
  • Busque pessoas e não os algoritmos

Acompanhe cada etapa e veja o que será necessário para estruturar o seu plano. Depois é só colocar a mão na massa e começar a desenvolver e implementar a sua estratégia de marketing pessoal nas mídias sociais.

O passo a passo para a criação de um plano de marketing pessoal nas redes sociais

Abaixo listamos um verdadeiro passo a passo para quem deseja uma orientação inicial sobre como criar um plano de marketing pessoal nas mídias sociais. Trabalhando nesta sequência, suas chances de sucesso serão muito maiores.

1 – Defina qual a imagem você deseja passar

A primeira dica para quem deseja saber como criar um plano de marketing pessoal nas redes sociais e definir muito bem qual é a imagem que deseja passar nestes canais.

Existem diversas alternativas para ser conhecido nas redes sociais e por isso mesmo, é importante que antes mesmo de colocar a mão no teclado para criar seus perfis e páginas, você decida exatamente de que forma deseja ser visto.

Você pode criar uma marca pessoal pura, seu nome e nada mais, uma marca pessoal associada a uma profissão, a uma empresa ou uma causa social, por exemplo.

Se você trabalha em uma determinada área profissional e pretende ser reconhecido pelo seu próprio nome, procure registar-se com ele e trabalhar o seu branding em torno do seu nome.

2 – Faça uma seleção prévia das redes onde irá atuar

Um dos grandes problemas relacionados com redes sociais, deve-se ao fato de existirem cada vez mais opções, o que deixa muita gente perdida na hora de desenhar a sua estratégia de marketing pessoal nas redes sociais.

Em termos de redes sociais é recomendado em um primeiro momento a inclusão do Facebook, Instagram, Twitter e LinkedIn, pois são de longe as mais populares no Brasil.

Dependendo da sua área de atuação e o público que deseja atingir, como no caso dos músicos, por exemplo, seria conveniente agregar o YouTube a essa seleção. O importante é estar presente nas redes onde o público-alvo que você deseja atingir está.

3 – Analise as redes e o conteúdo publicado

Outra dica para criar um plano de marketing pessoal nas redes sociais é pesquisar o tipo de conteúdo, e até mesmo de linguagem que é utilizada nas publicações feitas nas redes sociais com as quais você deseja trabalhar.

Procure analisar os conteúdos que fazem mais sucesso nestas redes, e procure desenvolver algumas ideias que se enquadrem nos gostos dos leitores. Veja quais as publicações que geram maior engajamento e trabalhe seu conteúdo nas temáticas que elas envolvem.

Quanto maior for a repercussão das suas publicações nas redes sociais, maior será a sua exposição e mais pessoas passarão a segui o seu perfil ou página, e se interessar por aquilo que você diz e faz.

Como criar um plano de marketing pessoal nas mídias sociais

4 – Capriche na criação e configuração do seu perfil

Outra dica para quem quer saber como criar um plano de marketing pessoal nas redes sociais é caprichar na criação e configuração do seu perfil nas redes sociais, trabalhando bem a customização dos elementos gráficos e nos textos contendo informações sobre você e o seu trabalho.

O impacto visual é extremamente importante dentro da sua estratégia de marketing pessoal na Internet, seja na criação do seu site pessoal ou em seu perfil nas redes sociais. Por isso, dedique aos seus perfis, o mesmo cuidado que você dedica ao seu blog ou site pessoal.

5 – Desenvolva um conteúdo realmente relevante

Como já foi mencionado diversas vezes aqui no site, um dos principais componentes de um plano de marketing nas redes sociais é um conteúdo relevante, que acrescente algo ao dia a dia das pessoas.

Em nossos cursos de marketing nas mídias sociais sempre faço questão de deixar isso muito claro. O marketing nas mídias sociais se dá através da criação de laços, e nada melhor para isso do que um conteúdo bem elaborado.

É através da divulgação de um bom conteúdo que você terá a oportunidade de demonstrar as suas expertises e conhecimento na sua área de atuação. Por isso, muita atenção a este item.

6 – Prepare-se para ter uma presença ativa

Uma dica fundamental para quem deseja saber como criar um plano de marketing pessoal nas redes sociais é se preparar para ter uma presença ativa nas redes em que decidir participar. Como eu disse anteriormente, redes sociais é criação de laços de relacionamento.

Comente de forma a complementar os conteúdos publicados, curta as publicações que lhe chamarem atenção, faça menções a perfis de destaque e compartilhe as publicações mais interessantes. Essa interação é parte fundamental da sua presença nas mídias sociais.

7 – Monitore seus resultados

Minha última dica sobre como criar um plano de marketing pessoal nas redes sociais diz respeito ao monitoramento de resultados, etapa fundamental de qualquer campanha de marketing digital. Como saber se suas ações estão surtindo os resultados esperado?

As métricas que sugiro são:

  1. Quantidade de seguidores dos seus perfis ou páginas
  2. Grau de engajamento em suas publicações
  3. Número de visitas ao seu site pessoal
  4. Total de conversões no seu site

Além destas que são métricas clássicas, também é interessante acompanhar seu desempenho total nas mídias sociais através do Klout, um ótimo indicador da sua presença online, bem no estilo Black Mirror.

Agora que você já tem uma boa ideia de como criar um plano de marketing pessoal nas redes sociais, o que acha de começar a elaborar o seu ou fazer correções nas ações que você já vem desenvolvendo? Mantenha-se atualizado assinando a nossa Newsletter.

Por Alberto Valle

Como criar um plano de marketing pessoal nas redes sociais
5 (100%) 14 votes

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here